O STF bate à sua porta abr22

O STF bate à sua porta

Estou diante da tela do computador – e não de uma folha de papel, como gostaria – pensando sobre que escrever, já que a quantidade de assuntos disponíveis, cada um mais horroroso que o outro, é tão grande, que só mesmo Shakespeare pode me ajudar a achar o tema certo para discorrer! Que Brasil é esse? Que povo, que homens públicos são esses capazes de sabotar o progresso do país o tempo todo? Como diz Horácio para Hamlet “Mas senhor é tudo tão estranho”. Põe estranho nisso, Horácio!  Devo escrever sobre as dez pragas do Egito que atingem o Rio de Janeiro; sobre as loucuras do novo governo; a tragédia de Brumadinho;...