À Sombra do Mundo Errado fev19

À Sombra do Mundo Errado

Um homem pobre se queixa com seus companheiros durante um protesto “O que sobra dos poderosos bastaria para socorrer-nos. Se nos dessem somente o que lhes é supérfluo, enquanto estivesse em bom estado, poderíamos acreditar que nos auxiliam por humanidade; mas acham que somos caros demais para sermos sustentados. A magreza que nos aflige, o espetáculo de nossa miséria, são o inventário encarregado de manter detalhada a abundância deles”. Pessoas carentes e famintas são comuns em quase todos os lugares do mundo, mas quem está desabafando aqui é um cidadão de Roma, da época dos Césares. E essa pérola sábia e amargurada dita...

Realidade e Aparência fev07

Realidade e Aparência

Uma das mais belas e impactantes sentenças escritas por Shakespeare – sobre o tema que vou tratar aqui, o bardo tem centenas de passagens tão belas quanto esta – está em uma de suas obras primas, Otelo, O Mouro de Veneza: “Men should be they seem”. “Os homens deveriam ser o que parecem”, em português. A frase composta de monossílabos é de estonteante sonoridade em língua inglesa. Por isso faço questão de citá-la no original. É pronunciada por Otelo, logo após o “honesto” Iago, era assim que Otelo se referia a ele, tê-lo feito matar sua própria esposa, a inocente Desdêmona. Esta máxima encerra um dos grandes...

Sobre Fotografias e Imagens fev05

Sobre Fotografias e ...

Poucas coisas criadas pelo homem com o objetivo de nos mostrar o real podem ser mais enganosas e mentirosas do que a fotografia. Nada pode esconder mais o interior, a verdade das coisas e das pessoas do que uma foto. O surrado e sábio ditado oriental “uma imagem vale mais que mil...

Sobre Elegância fev03

Sobre Elegância

Quando seu filho Laertes – a cena ocorre em Hamlet – vai viajar para a França, Polônio lhe dá conselhos de como deve se comportar um jovem e sensato cavalheiro: “Pensa antes de falar e pensa antes de agir. Sê familiar, mas nunca vulgar. Os amigos verdadeiros ponha-os à prova, e sujeita-os à tua alma com arcos de aço, mas não calejes a palma de tua mão com apertos a todo sujeito mal saído da casca do ovo. Dá o ouvido a todos, a voz, a poucos. Que tua roupa seja tão custosa quanto teu bolso permitir, mas sem afetação. Elegante, mas não extravagante”. Sábios preceitos! Talvez, se fossem seguidos por parte da humanidade,...

Sobre Gênios e Fraudes fev03

Sobre Gênios e Fraud...

Aqueles que atribuem o conceito de gênio a determinados escritores, compositores, pensadores, enfim criadores de nosso tempo, achando que suas obras são fruto de sua inteira criação, agem assim porque desconhecem o passado e não sabem que são os clássicos os fiéis depositários das...